PUMA

Stakeholders: Grupo Gestão; ESPRIT University; Departamento de Engenharia de Produção da Universidade de Brasília.

Problema: todo semestre, diversas equipes de engenharia na universidade trabalham em projetos que muitas vezes são colocados para sempre na gaveta. Por que não conectar empresas e stakeholders externos reais para trazer seus problemas à universidade e trabalhar junto com estudantes para encontrar a solução? Por que não colocar os alunos para formar valor real em um Brasil que tanto carece de pessoas qualificadas encarando os problemas da realidade? 

Problema 2: aprender e ensinar via projetos requer processos educacionais que fogem do tradicional ("sempre foi assim"). No PBL, cada projeto é único e os processos de ensino, aprendizagem e avaliação devem ser bem modelados e controlados para garantir a efetividade do processo. Quais são as melhores práticas e como garantir a sua melhor execução de maneira contínua na aplicação do PBL em universidades?

Objetivo: desenvolver plataforma educacional que: (i) promova a conexão do mercado com os projetos da Universidade, criando editais e formalizando processos de seleção de propostas contempladas de stakeholders externos; (ii) Padronize processos relacionados à aplicação do PBL (project-based learning) no ambiente universitário, notadamente de engenharia.

Objetivos específicos: as diferentes equipes envolvidas nesse projeto durante o semestre estarão focadas em módulos específicos do PUMA.

Clique aqui para acessar a proposta de projeto (ver anexo)!

Project Executive: PSP8 team.

 

Coordinator Responsible: Everaldo Junior (Mestrando) - everaldo.s.junior@gmail.com.

Supervising Professors: João Mello, Simone Monteiro, Khaled Junior Hafaied

INVISIBLE